• Postado por Tiago

A terça-feira foi marcada por uma tragédia em Porto Belo. Uma bebê de apenas dois meses amanheceu morta vítima de afogamento com o leite materno. Este é o terceiro caso registrado na região em um mês.

K.S.M, dois meses, foi encontrada pela sua mamãe, que não teve o nome divulgado. A mulé acordou e foi direto no bercinho ver como tava a sua filhota. Quando tocou na menina viu que ela tava gelada e com as mãos e os pés roxinhos. A mãezona ainda pediu ajuda dos vizinhos, mas já era tarde demais.

A polícia foi chamada até a casa da rua Blumenau, no Perequê, pra verificar o caso. Os homisdalei fizeram uma análise da criança, pra comprovar se não houve algum tipo de agressão e constataram que a pequerrucha tava com a boca cheia de vômito.

A mamãe contou que deu de mamar pro bebê na noite de ontem e botou ela pra dormir de barriga pra cima. Os policiais acreditam que o anjinho tenha vomitado e se afogado com a própria nojeirada.

O corpo da bebezinha foi encaminhado ainda ontem pra Floripa onde passará pelo serviço de verificação de óbito, pra comprovar o incidente. O enterro deve rolar hoje.

Terceiro caso

No dia 29 de junho, Felipe, de apenas sete dias, morreu ao se engasgar. O pequenino tinha terminado de almoçar e foi colocado no berço, de barriga pra cima. O menino vomitou, se engasgou e morreu. Em 11 de junho, o Rian Carlos Caetano, de dois meses, de Camboriú, também se afogou. A mamãe pediu a ajuda a uma vizinha, que ouviu pelo telefone as indicações dos bombeiros e conseguiu salvar o menininho.

  •  

Deixe uma Resposta