• Postado por Tiago

A Divisão Especial do Campeonato Catarinense, o popular Catarininha, teve rolo dos grandes já na primeira rodada. A competição deveria ter começado na tarde de sábado, com três jogos, mas só dois rolaram normalmente. O problema foi no confronto entre Concórdia e Navegantes, no estádio Domingos Machado de Lima, em Concórdia. O time da casa entrou em campo e só foi entender o que tava pegando depois do horário marcado pro jogo começar. A equipe do Navegantes não deu as caras e os donos da casa ganharam a partida por W.O.

Depois de um tempão, quem apareceu pra dar explicações foi o presidente do Nequinho, Egon da Rosa. Ele tentou diminuir o tamanho da cagada dizendo que só cinco jogadores do NEC estavam no estádio, por isso não conseguiu colocar seu time em campo – o número mínimo pra que um jogo possa começar é de sete atletas. Egon afirmou que não conseguiu inscrever os jogadores a tempo pra estreia e, além disso, o ônibus que trazia o time quebrou na estrada. Com todas essas desculpas, foi dada a vitória ao Concórdia, que nem precisou suar a camisa pra levar os três pontos.

Cambu perde

O outro time da região no Catarininha também mandou mal, mas pelo menos entrou em campo. Em Imbituba, o time da casa venceu o Camboriú por 3 a 1. Jogando no estádio Emília Mendes, o CFZ Imbituba abriu 2 a 0 no primeiro tempo, com gols de Dudu e Téio. No segundo tempo, Téio marcou contra e diminuiu o placar pro Cambu, mas quando parecia que o empate era questão de tempo, Alan fez pro CFZ e fechou a partida em 3 a 1 pro time de Imbituba.

  •  

Deixe uma Resposta