• 10 set 2009
  • Postado por Tiago

Atacante ex-Inter marca três e Brasil enfia 4 a 2 no freguês Chile

Já classificado pra Copa de 2010, na África do Sul, o Brasil entrou em campo apenas pra cumprir tabela contra o Chile, pelas eliminatórias sul-americanas pro mundial. Mas a seleção brazuca não desanimou e derrotou o adversário freguês por 4 a 2 na noite de ontem, no estádio Pituaçu, em Salvador, na Bahia. Nilmar foi o grande nome do confronto, com três gols. Júlio Baptista fez o outro canarinho. Suazu, duas vezes, descontou pro Chile.

Pro Brasil, o resultado serviu apenas pra confirmar sua hegemonia no futebol da América do Sul. A seleção lidera as eliminatórias com 33 pontos. Já o Chile, com 27, ainda tem mais dois jogos pra tentar sua vaga. Precisa de mais três pontos em seis que vai disputar.

E os chilenos entraram em campo abusados, com três atacantes, tentando pressionar o Brasil. Mas a primeira grande chance foi brasileira, de bola parada, aos oito minutos. Após cobrança de escanteio, Miranda ganhou de cabeça, mas o zagueiro chileno tirou a redonda em cima da linha. O Chile respondeu também em duas cobranças de escanteio, com as bolas passando perto do travessão do gol de Julio César.

O Brasil tratou de botar ordem na casa e abriu o placar aos 31 minutos. Daniel Alves cruzou pra área, a gorduchinha passou por Adriano, mas não por Nilmar, que se esticou todo e estufou as redes.

Aos 39, Julio César fez milagre e pegou chute à queima-roupa de Fernandéz. Na sobra, Suazo chutou pra fora. A resposta brazuca foi fatal. Nilmar pressionou a saída de bola, roubou a gorduchinha e tocou pra Daniel Alves achar Júlio Baptista livre. O substituto de Kaká bateu colocado, rasteiro, no canto esquerdo do goleiro Bravo.

Reação chilena

Quando a torcida brasileira já gritava olé, o Chile diminuiu. No finzinho do primeiro tempo, Sánchez passou como quis por André Santos, entrou na área e foi derrubado por Felipe Melo. Pênalti, que Suazo bateu e marcou.

O segundo tempo começou ruim pro Brasil. Felipe Melo, não contente em já ter cometido pênalti, tratou de dar uma botinada num jogador do Chile e foi expulso aos quatro minutos. E no primeiro ataque chileno, Suazo aproveitou cruzamento pra área e bateu de primeira, empatando o jogo em 2 a 2.

Ufa!

E quando o Chile pressionava tentando a virada, veio a ducha de água fria. Aos 28, Maicon cruzou e Nilmar enfiou a cabeça na bola pra marcar. E Nilmar tava mesmo impossível. Dois minutos depois, o atacante brazuca aproveito sobra do chute de Mailcon pra empurrar pro gol vazio e fechar o placar em 4 a 2.

Paraguai também na Copa

O Paraguai foi a segunda seleção sul-americana classificada pra Copa do Mundo. Jogando no estádio Defensores del Chaco, na noite de ontem, a equipe da terra dos produtos falsificados derrotou a desorganizada Argentina de Maradona por 1 a 0. Haedo Valdez fez o gol da classificação paraguaia e do desespero hermano. A Argentina caiu pro quinto lugar e corre sério risco de não se classificar pra África do Sul.

  •  

Deixe uma Resposta