• Postado por Tiago

A Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes faz 22 anos no dia 29 de julho e tá com a agenda cheia. São apresentações de folclore, música, teatro e dança, exposições, exibição de filmes e contação de história em diferentes bairros de Floripa. Hoje, a atração é o teatro de fantoches “Causos do Francolino”, que será apresentado à gurizada da escola básica Dilma Lúcia dos Santos, na Armação do Pantosuli. À noite, rola a leitura de textos de Cruz e Souza e sobre a festa do divino na Casa da Memória.

Também vão rolar concertos e cinema em pleno centro da city e uma alameda cultural no dia 25, sábado, com apresentações de música, dança, artes visuais, artesanato, arte circense e folclore. Sem falar nos debates e apresentação de bandas do exército.

Este ano, a fundação conseguiu ampliar de de 29 pra 45 modalidades artísticas as oficinas dadas nos bairros. Outra boa notícia são as obras de recuperação do Forte Santa Bárbara, construção do século 18 que abriga a sede da fundação desde 2000.

Franklin Cascaes foi um estudioso das lendas açorianas, que ficaram tão famosas em Floripa justamente por causa do resgate que o cara fez, ilustrado por desenhos bico de pena lindíssimos. A fundação foi criada em 1987 pra preservar o patrimônio artístico e cultural da cidade.

  •  

Deixe uma Resposta