• Postado por Tiago

SEGUNDA-PAGINA-14---Flagra---calcada-na-atlantica-esq-com-a-osmar-de-souza-nunes_leitor

Com monte de areia, ninguém pode usar a calçada

Quem tentou dar uma pernada pros lados da rua Osmar Souza Nunes, no bairro Pioneiros, em Balneário Camboriú, nos últimos dias, precisou disputar espaço com as carangas. Tudo porque a peãozada que trampa na reforma de um prédio chiquetoso da avenida Atlântica resolveu descarregar um caminhão de areia bem em cima da calçada.

O leitor M.T. ficou injuriado com a falta de respeito. ?É muito desrespeitoso. O pedestre vai passar por onde? É na esquina, perigoso passar na rua?, lasca. Ele fotografou a sacanagem, e diz que o pessoal que tava trampando por ali não gostou nadinha. ?Me viram batendo a foto e ficaram brabos?, conta.

O coordenador da secretaria de planejamento da Maravilha do Atlântico, Marcos Ulisses, conta que largar bagulhos em cima do passeio é contra a lei. ?Não pode ocupar a área da calçada?, afirma.

Quem dá uma de espertinho e passa por cima das regras, pode ter que desembolsar de R$ 759 a mais de três mil reales, dependendo do tamanho da cagada. ?Cada caso é um caso. Primeiro, o responsável ganha um prazo pra retirar o material. Se não cumprir, será punido com a multa?, explica Marcos.

Simancaram

Pelo jeito, o pessoal da obra sitocou que tava atrapalhando a passagem. Na tarde de segunda-feira, o monte de areia tinha sido retirado do passeio. O mandachuva do planejamento não soube dizer se foi algum fiscal da prefa quem pediu a remoção do material, ou se a retirada foi obra de simancol.

  •  

Deixe uma Resposta