• Postado por Tiago

Um vereador de Navega-City cansou de esperar pela boa vontade dos outros e botou a boca no mundo pra reclamar que seus requerimentos não tão sendo atendidos. Ezequiel Antero Rocha (PMDB) fez dois requerimentos no começo do seu mandato e, até agora, ninguém deu bola pra ele.

O primeiro pedincho foi apresentado durante a segunda sessão ordinária do ano de 2009, no dia 5 de fevereiro. Através de uma indicação, Ezequiel cobrou rapidez na construção de seis salas comerciais em frente à praça Nossa Senhora dos Navegantes, que já tem até projeto de urbanismo aprovado.

O requerimento orientava que as salas deveriam ser construídas ao lado da loja Salfer, retirando todos os quiosques da praça. “Aquele é um espaço público e um ponto turístico do nosso município, que pode ser melhorado com projetos paisagísticos e urbanísticos que valorizem a área central de Navegantes”, lascou o edil.

Outro pedincho que agurada uma resposta foi enviado à polícia militar. Em 12 de fevereiro, Ezequiel elaborou uma indicação pedindo ao comandante da polícia militar de Santa Catarina, coronel Eliésio Rodrigues, a implantação de seis postos policiais na cidade, nos bairros Gravatá, São Paulo, São Domingos, Porto das Balsas, Machados e Areia Branca.

Quatro dias depois, o assunto tornou-se tema de um requerimento, assinado por todos os vereadores de Navegantes. Quase meio ano depois, Ezequiel diz que não recebeu nenhuma resposta. “Espero que as solicitações sejam atendidas, porque o objetivo final é o bem estar da comunidade navegantina”, destacou o parlamentar.

  •  

Deixe uma Resposta