• Postado por Tiago

A puliça Militar tirou mais um trabuco de circulação neste final de semana, em Balneário Camboriú. O dono do berro, um moleque de 18 anos, foi levado pra delegacia e ficou preso por porte ilegal de arma. A puliça vai investigar a ficha do malandro pra saber se ele e seu revólver andaram metidos em crimes pela região.

A manhã de sábado mal tinha começado e Jhonatan Cícero Gomes Silva, 18 anos, que tem o apelido feioso de Sapo, já andava maquinado pelas ruas da Maravilha do Atlântico. Ele foi encontrado pelos milicos quando dava umas bandas pela rua Campos Novos, no bairro dos Municípios.

Os fardados desconfiaram da cara de Jhonatan, que parecia estar aprontando alguma, e pararam o carinha pra lhe dar uma geral. Bastou os meganhas darem umas apalpadas no Sapo pra descobrirem um revólver Rossi, calibre 38, escondido no meio das roupas dele. O berro tava carregado com três munições intactas.

Jhonatan não tinha autorização pra andar carregando trabucos pelaí, por isso ganhou o teje preso. Ele foi levado pra delegacia e ganhou uma vaguinha no cadeião do Balneário. Como andar com revólver na cinta não é coisa de um garoto de família, os homisdalei agora vão investigar se o Sapo tá envolvido em outros crimes que rolaram nos últimos tempos.

  •  

Deixe uma Resposta