• Postado por Tiago

p---droga-jhonny-weslley-moreira-barbosa.jpg-(1)

Droga vinha no bagageiro de um ônibus pra Santa & Bela

O fim de semana foi de baixa pro tráfico no litoral catarina. Negociantes de porcarias caíram nas garras da polícia em Biguaçu, Balneário Camboriú e Cambu. A droga guentada em maior quantidade foi a erva do Bob Marley, que somou mais de quatro quilos. Parte da porcariada tava vindo do Mato Grosso no bagageiro de um busão, pra ser distribuída pela Santa & Bela.

Homis da polícia Rodoviária Federal de Biguaçu faziam uma fiscalização de rotina pela BR-101, na manhã de ontem, quando pararam um ônibus da empresa União Cascavel que vinha de Dourados, no Mato Grosso do Sul, com destino à capital manezinha. Eles revistaram a bagagem dos passageiros, e acharam na mochila de Jhonny Weslley Moreira Barbosa, 19 anos, quatro tijolos de maconha, que juntos pesavam 1,7 quilo, e mais 370 gramas de cocaína.

O gurizão tentou passar o migué nos puliças e jurou que não sabia como a droga tinha ido parar em sua bagagem. Mesmo assim, ganhou o teje preso e foi levado pra depê, onde acabou enquadrado por tráfico. A polícia acredita que a droga seria distribuída na Ilha da Magia, mas Jhonny não confirmou nadinha. O cara fechou o bico e disse que só fala na frente do juiz.

Boca do Capixaba

Em Balneário Camboriú, o traficante José Roberto Sabino Pechin, o Beto Capixaba, também acabou em cana depois de ter sido pego com a boca na botija. A polícia Militar revistou um casal que saía da baia do trafica, na rua Canelinha, bairro dos Municípios, e achou uma buchinha de marofa na calcinha da mulé. Ela confirmou que tinha comprado a droga do Beto, e os milicos resolveram fazer uma visitinha pro cara.

Dentro da baiuca foi achada mais uma porção de erva do capeta, 15 munições de pistola calibre ponto 380 e uma espingarda de pressão. O cara foi levado pra depê.

Na Capital da Pedra o atraque rolou numa casa da rua Monte Frade Macaé, no bairro Monstro Alegre, durante a noite de sexta-feira. Os milicos davam uma passeada pela área quando viram uma aborrescente tentando silivrar de um pacote. Desconfiados, deram uma prensa na guria e acharam com ela 30 pedrinhas de crack.

A garota disse que a dona da droga era Thainara Job Walmott, 18, que morava ali pertinho. A PM deu um bizu na baia da moçoila e achou 2,3 quilos de erva que passarinho não come, além de uma balança de precisão. A mulé foi presa por tráfico.

  •  

Deixe uma Resposta