• Postado por Tiago

A polícia investiga uma safadeza que teria rolado na noite de domingo. Um porteiro foi detido acusado de mostrar fotos e vídeos de pornografia pra uma menina de nove anos. A nojeirada teria rolado enquanto a garotinha brincava no hall de entrada de um prédio da rua 1901, no centro de Balneário Camboriú.

A denúncia é da mãe da criança. A guria é vizinha do prédio e sempre passa por lá pra brincar com a criançada na calçada, em frente ao edifício. Na horinha do Fantástico, a pequena chegou em casa aos prantos. Desesperada, a menina disse pra mamãe que o porteiro do prédio tinha mostrado umas imagens feiosas no celular.

Disse que O. de S. R, 50 anos, teria lhe convidado pra deixar os coleguinhas de lado e ver umas imagens bacanas. Sem saber o que era, a guria não perdeu tempo e entrou na recepção do prédio. Quando conferiu o aparelhinho, descobriu que as fotos e vídeos do porteiro eram bem sem graça. Assustada com a safadeza, a garotinha sivirou em pernas e pediu a ajuda pra mamãe.

Com a revelação da guria, a mãe ligou pra polícia Militar que deu o atraque no prédio. Prendeu O. e o levou pra delegacia da Muié e do Adolescente. O porteiro prestou depoimento, mas não quis comentar o fato. Como no seu celular não tinham fotos e vídeos da sacanagem e ele nunca teve passagem pela polícia, foi liberado por falta de provas.

A polícia Civil abriu um inquérito e investiga o caso. Apreendeu o celular do cara pra verificar se fotos ou vídeos foram apagados. Também pretende conversar com a vizinhança, a mãe da vítima e até com a guriazinha pra solucionar o caso.

  •  

Deixe uma Resposta