• Postado por Tiago

A partir desta semana passam a valer no porto público de Itajaí e no terminal de Contêineres do Vale do Itajaí (Teconvi) tarifas reduzidas para trabalhos de transbordo e operações ligadas à cabotagem. A decisão foi tomada na sexta-feira pelos integrantes do conselho de Autoridade Portuária (CAP). A intenção, diz Roberto Grantham, diretor comercial da administração do Porto de Itajaí, é apresentar preços competitivos aos armadores e assim brigar comercialmente com os concorrentes.

Para o transbordo será considerado apenas um movimento de carga quando as mercadorias chegam de um outro porto para serem embarcadas em Itajaí. Até semana passada, eram contadas duas movimentações, a de chegada e a de saída, o que encarecia o trabalho. Além disso, houve diminuição no preço da tarifa e isenção na taxa de armazenamento pelo prazo de 15.

No caso da cabotagem, as tarifas de operações de carga e cargas foram reduzidas em até 20%.

O que é transbordo

Muitos armadores que têm linha em Itajaí e vão para a África ou a Europa possuem mercadorias que estão em outros portos brasileiros, como o de Rio de Grande, no vizinho estado gaúcho, por exemplo. Por isso, têm um gasto grande em deslocar a carga para Itajaí, pagando tarifas como se fosse um produto importado, além de arcar com os custos de armazenagem e embarque. Com a tarifa especial do transbordo, eles podem botar sua carga num navio de cabotagem [que navega apenas na costa brasileira] e trazer pra Itajaí para exportá-la a um custo menor. O transbordo é bastante usado em portos da Europa.

O que é cabotagem

A cabotagem é a navegação marítima pela costa brasileira. Além de retirar grande quantidade de caminhões que circulam pelas rodovias, na teoria ela tem custos menores e é mais segura. “A cabotagem é um modelo de transporte adotado na Europa, Estados Unidos e Ásia com eficiência amplamente comprovada”, diz Antônio Ayres dos Santos Júnior, chefão do porto peixeiro. Nas décadas de 60 e 70 do século passado, os navios de cabotagem chegavam ao porto de Itajaí trazendo principalmente cargas de sal e açúcar a granel. Hoje, a grande sacada da cabotagem é integrar a cadeia logística para as operações de transbordo.

  •  

Deixe uma Resposta