• Postado por Tiago

INTERNA_13_abre-direita_Ze-brodinho-vala-na-canhanduba---foto-Felipe-VT02

A prefeitura apare ceu lá e só fez caca, dizem moradoras

Os problemas na estrada geral da Várzea do Ranchinho, na Canhanduba, em Camboriú, parecem não ter mais fim. Os moradores estão indignados e cansados de tanta promessa. Ontem, Zé Brodinho foi chamado pra dar uma bizolhada na situação que pouco mudou desde a semana passada, quando um ônibus escolar quase virou por conta do lamaçal no local.

Na terça-feira, dia 16, depois de uma denúncia do Zé Brodinho, a secretaria municipal de obras visitou o lugar e se comprometeu a, já no dia seguinte, dar um jeito na estrada. A promessa foi a de abrir a vala e colocar macadame na rua pra diminuir o barreiro.

A moradora Roselene Pessotti da Silva, 32 anos, contou que os peões pintaram por lá com uma patrola. O sorriso do povão da localidade foi na orelha. Mas a alegria não durou muito. ?Eles abriram a vala e largaram um monte de barro ali. Mais nada!?, disse Roselene, inconformada.

Na estrada de chão batido, que liga Itajaí a Camboriú, tem casas e empresas. Quando chove, o trânsito fica interrompido. A dona de casa Rita de Cássia Rocha Andrade, 34 anos, diz que na semana passada dois conhecidos seus quase se mataram de motoca quando passaram pela rua virada em lama. ?Fica muito liso. É o maior perigo. Eles só não se acidentaram feio por sorte?, relata.

Agora, o medo das moradoras é que chova forte dinovo. ?Com o barro que eles largaram ali, só vai piorar a situação. Vai espalhar pra estrada?, teme Roselene. Além disso, já foi avisado pra comunidade que, com lama, o ônibus não passa mais pelo local. ?O que a gente vai fazer? Deixar as crianças em casa, sem aula, não dá!??, lascou.

Não terminou

José Pedro Costa, secretário de obras de Camboriú, falou que é pra população ficar tranquila que o trampo por lá ainda não terminou. Os barnabés abriram a vala e a camada de macadame, que vai cobrir todos os pontos críticos da estrada, será colocada assim que o solo secar completamente, explicou.

José falou ainda que existe outra solução próxima pra Várzea do Ranchinho. ?Nós vamos colocar um tubo mais largo no local. Assim o escoamento da água vai ficar mais fácil?, explicou o bagrão.

  •  

Deixe uma Resposta