• Postado por Tiago

Acabou-se a farra pra um assaltante chinélis que decidiu tocar o terror numa loja do centrão de Balneário Camboriú. Ricardo Cosmo Alves, 22 anos, tava em companhia de uma muié quando lascou o mãos ao alto, armado com uma faca. Ele foi guentado pelo povão e acabou em cana, enquanto a malacabada fugiu levando uma renca de badulaques.

O atraque rolou na loja Zucatelli, que fica na rua 1001. Por volta das 13h, Ricardo e uma moçoila resolveram dar uma de Boni e Claidi, o casal de bandidos que ganhou fama nos Istêitis. Eles entraram na baiuca, apontaram uma faca pras atendentes e fizeram a limpa.

O casalzinho juntou cinco óculos de sol, dois celulares, três blusas de lã e, pra completar o figurino, três sandálias. Botaram tudo numa sacola e tentaram siscapulir, mas não contaram com a astúcia dos bizolhudos de plantão.

Assim que botaram o pé pra fora da loja, a muierada que trampa lá dentro armou um baita berreiro. Um valentão que passava pela rua conseguiu grudunhar Ricardo, enquanto a amada do traste fugia.

Os milicos foram chamados e o assaltante mequetrefe ganhou uma pulseira de aço. Ele foi levado pra delegacia, e depois de conversar com o delegado, ganhou uma vaguinha no cadeião da Maravilha do Atlântico. Só não se sabe do que o malaco vai sentir mais falta, se dos dias de liberdade, ou da comparsa que fugiu levando a faca usada no crime e tudo o que rendeu o assalto.

  •  

Deixe uma Resposta