• Postado por Tiago

INTERNA_11_abre_Zaqueu-francez-secretário-fazenda_divulgação

Zaqueu diz que é pra democratizar o acesso ao trampo e valorizar o povo da city

Quer ganhar dinheiro no verão em Penha? Então se prepare para participar do processo seletivo que a prefeitura tá fazendo pra liberar os alvarás pros trampos ambulantes e eventuais. Zaqueu Rogério Francez, secretário da Fazenda, diz que a intenção é democratizar a liberação dos alvarás, priorizar o povão que mora na cidade e melhorar a qualidade do serviço prestado aos turistas.

Pelo menos 150 licenças para comércios e serviços de verão deverão ser liberados nesta temporada, estima Everaldo Francisco, fiscal da Fazenda. As inscrições para o processo seletivo já foram abertas e vão até 15 de outubro. O edital com as regras do processo seletivo tá fixado no mural da entrada do prédio da prefeitura, que fica no centro da cidade. Também pode ser baixado no saite www.penha.sc.gov.br.

Uma comissão formada por técnicos das secretarias da Fazenda, Saúde e Planejamento fará a seleção. Morar em Penha, já ter trabalhado como ambulante ou eventualmente em verões anteriores, possuir cursos de atendimento e manipulação de alimentos estão entre os critérios que serão valorizados pela comissão, explica Zaqueu Francez. ?Quer for selecionado, pra pegar o alvará terá ainda que fazer o curso ?amigo do turista?, que vai acontecer em novembro?, informa ainda o secretário da Fazenda.

Tá carinho

Pra cada tipo de comércio ambulante ou serviço temporário tem um alvará diferente. ?E cada atividade terá seu preço?, ressalta Everaldo. ?O mais barato custa R$ 87,81, no caso dos caiaques, por unidade, até o mais caro, que seria o banana boat, de R$ 1.347,85?, completa. Pros picolezeiros, que são a maioria dos que pedem licença pra trampar, o custo é de R$ 280,99.

Entre os documentos exigidos pra participar do processo seletivo estão a carteira de identidade e um comprovante de residência. Não pode ter qualquer dívida com a prefa da Penha.

O trampo de verão vai ser permitido de primeiro de dezembro deste ano a 30 de março do ano que vem.

Veja que trampos serão permitidos no verão da Penha

Comércio eventual com ponto fixo: caiaques; banana boat; disco boat; tenda para cadeira de praia e guarda-sol; tenda para milho verde, coco verde, caldo de cana, suco de frutas naturais, água, refrigerante e cerveja em lata, salgadinhos; churros; panificadoras, bares, restaurantes, assadão, verdureiras, frutas, venda de mudas de plantas, artesanatos, móveis; calçados, marisco, feiras de vestuário e calçados;

Comércio ambulante: caixa térmica ou carrinho para venda de água, refrigerante e cerveja em lata; carrinho para venda de coquetel e água de coco; carrinho de picolé e sorvetes; redes, chapéus, cangas e similares;

Serviços Eventuais: estacionamento; camping; propaganda sonora; escola de surfe; atividades de esporte e recreação.

  •  

Deixe uma Resposta