• Postado por Tiago

Uma rua será aberta no meio do loteamento Santa Regina, em Camboriú, onde tão sendo construídas desde o início de junho as casinhas populares que serão doadas aos flagelados da enchente de novembro de 2008. A medida será tomada pra abrigar nove baiucas a mais do que o previsto no projeto de construção.

O terreno de 3.750m2 será dividido em três partes. Como o planejado, ficarão de frente pra rua Singapura duas fileiras com seis casas de cada lado. Com a alteração no projeto, uma terceira parte será aberta na área vazia dos fundos das residências, onde serão levantadas outras nove baias.

Pra que os moradores das moradias dos fundos tenham acesso às casas, será aberta uma servidão. A coordenadora da defesa civil de Camboriú, Carla Rosana Krug, responsável pelo projeto, explica que a alteração no plano não vai pesar quase nada pros cofres públicos. Além disso, afirma que a abertura da via não irá trazer nenhum trampo a mais e até vai incrementar as baias dos futuros moradores. “Será colocada iluminação pública e será arborizado”, garantiu.

A rua deve ser aberta nos próximos dias já que a construção das casas já está nos finalmentes. Carla conta que a parte da prefa, que é a instalação de energia e fossa, deve ser concluída em 20 dias, se não chover. Já a Cohab tem previsão de termino da obra em um mês.

  •  

Deixe uma Resposta