• Postado por Tiago

CAPA-GERAL-ABRE---calcadao-itapema-3

Ideia da prefa é levar o calçadão até a divisa com Porto Belo

A terceira etapa da obra do parque calçadão de Itapema só deverá ficar pronta no fim de fevereiro. A previsão é da secretaria de gestão urbana da cidade, que teve que dar um aperto na empreiteira que queria entregar a pavimentação e iluminação capengas e deixar parte da obra virada num alho. A prefa pegou no pé da empresa e fez a galera tomar vergonha na cara e refazer o serviço.

O secretário de Gestão Urbana, Carlos Eduardo Germani Santi afirma que a empresa Esteio, de São José, entregou um pavimento meia-boca e ele pediu pra refazer o trampo. ?O piso estava irregular e mandei retirar e nivelar?, disse. Além disso, foram entregues algumas luminárias fraquinhas que tiveram que ser trocadas.

O engenheiro residente da Esteio, Carlos Henrique Fernandes, confirmou o problema com as luminárias e garante que já providenciou a iluminação nova. ?Elas não estavam dentro do normal e estão sendo substituídas?, garantiu. Mas o engenheiro nega que o piso tenha ficado desnivelado e acredita que o secretário meteu os pés pelas mãos. ?Agora estamos fazendo o acabamento e o assentamento do pavimento. Ele viu e comentou antes de terminarmos o serviço?, acredita.

Com o trampo, a etapa da construção que iniciou em novembro só vai terminar no fim do mês que vem. E isso se São Pedro colaborar e não mandar um mundaréu de água em cima da cabeça dos peões e obrigá-los a parar a obra. Em novembro rolou a drenagem, depois foi feita toda a instalação elétrica e agora está sendo feita a pavimentação da via. ?Depois serão instalados os postes de iluminação e feito o acabamento e recuperação da área de restinga?, explica Carlos.

A obra

A terceira etapa do calçadão fica entre as ruas 215 e 205. Pelos planos, o parque deverá ter dois quilômetros de extensão, sendo que metade fica na orla do bairro Meia Praia, um dos mais badalados da city. O projeto ainda prevê uma área de lazer, com ciclovia, gramado, árvores e banquinhos pra galera sentar e descansar das caminhadas.

O parque calçadão começou a virar realidade em setembro de 2008. A Esteio levou R$ 1,079 milhão re reais pra toda a construção. A sinalização ficou por conta da More Sinalização e Construção, que lucrou mais R$ 82 mil. A verba saiu dos cofres da prefa e do ministério do Turismo.

Nova ideia

Apesar de não ter nem terminado ainda a terceira etapa do parque calçadão, o secretário Carlos já planeja continuar a construção. Afirma que já bola um projeto de ampliar o calçadão até o rio Perequê, na divisa com Porto Belo. A prefapedinchou verba do governo federal, mas até agora não recebeu resposta.

  •  

Deixe uma Resposta