• Postado por Tiago

A quarta-feira promete ser de fortes emoções na capital, principalmente a partir das 17h30, quando começa a ser julgado pelos togados do Tribunal Regional Eleitoral o destino do prefeito da capital, Dário Berger (PMDB). A ação movida pela coligação Amo Florianópolis (PP/PTB) e pelo PP quer cassar o diploma do bonitão porque ele teria ignorado a constituição federal ao concorrer a quatro mandatos consecutivos – dois em São José e, em janeiro deste ano, iniciou o segundo na capital.

“Eu estou tranquilo porque fiz uma consulta prévia ao TRE sobre este caso e procedi exatamente como me foi orientado”, disse Dário, atordoado pelo problema da greve dos busos na cidade. Mais detalhes na edição de amanhã do DIARINHO.

  •  

Deixe uma Resposta