• Postado por Tiago

O ministro Gilmar Mendes, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), teve na Santa & Bela nesta segunda-feira pra dar sequência à assinatura de termos de cooperação técnica do programa Casa da Justiça e Cidadania, que prevê agilizar a atuação da justa em todo o país.

Em Floripa, Mendes foi questionado sobre a proposta de emenda constitucional protocolada na semana passada na Câmara dos Deputados. O documento prevê o terceiro mandado pra presidente, governadores e prefeitos. O magistrado disse que se depender do STF, o dispositivo não será aprovado.

“A prorrogação do mandado e a reeleição, que pode ser a terceira, quarta, quinta, não é compatível com o princípio republicano e democrático. Certamente se fosse aprovado – o que não acredito que seja, não obteria a chancela do STF”, comenta.  

Leia a reportagem completa na edição de amanhã do DIARINHO.

  •  

Deixe uma Resposta