• Postado por Tiago

Itajaí deu mais um passo importante pra garantir o desenvolvimento de jovens atletas da cidade. Numa parceria entre a Perdigão, Sesi e Fundação Municipal de Esporte e Lazer (FMEL), foi lançado na noite de ontem o projeto Sesi Atleta do Futuro/Segundo Tempo.

A iniciativa irá contemplar estudantes peixeiros entre 6 e 18 anos. “O programa será feito no contraturno escolar dos alunos em 15 núcleos espalhados por diversos bairros da cidade”, fala o coordenador geral do projeto, Valdecir Cordeiro. A galerinha passará, no mínimo, seis horas por semana, de segunda a sexta-feira, realizando atividades esportivas das mais variadas, além de receber reforço pedagógico e alimentar pra ficar bem esperta e saudável.

O Segundo Tempo já rola em Itajaí, mas agora com a forcinha do Sesi e da Perdigão vai ter mais grana pra investir na molecada. Num primeiro momento, o Sesi doará ao projeto 150 mil reales em material esportivo a serem repassados em até 10 meses. Até agora, segundo Valdecir, chegaram 30 mil. “Também recebemos do Ministério do Esporte materiais esportivos confeccionados por presidiários que trabalham pra reduzir suas sentenças. As peças são, podemos dizer, de péssima qualidade, mas que vamos utilizar”, lascou Valdecir.

O projeto promete aumentar bem a estrutura oferecida aos futuros atletas peixeiros. Serão três pedagogas e 15 coordenadores auxiliando todos os participantes, além de 43 acadêmicos do curso de educação física e outros dois do curso de pedagogia da Univali. “Eles vão receber, como estagiários, um valor de R$ 308 pra trabalhar meio-período”, finaliza Valdecir.

  •  

Deixe uma Resposta