• Postado por Tiago

 

A Polícia Civil de São José investiga um caso escabroso que rola na cidade desde maio. Na noite de domingo, foi encontrado mais um corpo no lixão do bairro Potecas. O local já é considerado o novo ponto de desova da região. Desta vez, a vítima foi Robson Fidélis, 29 anos.

O primeiro crime no local este ano foi em 1º de maio, quando Marco Rangel Joaquim foi encontrado estirado no terreno. Em 23 de junho, foi executada a tiros e jogada no local Patrícia Santos Silva. Na semana passada, em 29 de junho, foi encontrado no lixão o corpo de Tyson Adilson de Souza. A polícia ainda não sabe se estes crimes têm alguma ligação ou se os vadios resolveram achar que o local é um novo cemitério a céu aberto.

De acordo com o que foi levantado até agora pelos tiras, o corpo de Robson foi encontrado no lixão por policiais do Grupo de Respostas Táticas (GRT) do 7º batalhão da Polícia Militar (BPM) de São José, que faziam uma ronda de rotina pras bandas do bairro Potecas, domingo à noite.

  •  

Deixe uma Resposta