• Postado por Tiago

g---gripe-suina--floripa-foto-ruberns-flores-08jun09-(1)

Galera usou até máscara na creche

A vigilância epidemiológica da Santa & Bela espera receber hoje, no mais tardar amanhã, o resultado dos exames feitos em 20 crianças, pais e professores do núcleo de educação infantil da Costeira do Pirajubaé, na capital. A turma colocou a meleca no potinho pra saber se foi contaminada com o vírus da gripe suína.

De acordo com informações do ministério da saúde, uma menina de três anos, que mora em Floripa, é a quinta pessoa com o resultado positivo no exame que identifica o vírus da gripe suína na Santa & Bela. O caso põe o estado em terceiro lugar no ranking da gripe tipo A, atrás de São Paulo e do Rio de Janeiro. A menina apresentou os sintomas após contato com uma tia que mora nos Estados Unidos e que teve a doença. A guriazinha tá trancafiada em casa pra não passar a gripe pros outros.

Assim que foi divulgado o resultado do exame, a secretaria municipal de educação suspendeu as aulas na creche. ?Fechar a creche foi uma medida preventiva. Estamos monitorando as crianças, seus familiares e os professores. A prevenção nada mais é do que quebrar a cadeia de transmissão, ou seja, tirar as pessoas da aglomeração?, comenta Luiz Antônio Silva, diretor da vigilância epidemiológica estadual.

Espirrar nem pensar!

Pais e profes mascarados estiveram ontem pela manhã na creche da Costeira. Em reunião com técnicos da vigilângia epidemiológica, eles foram orientados sobre como devem proceder nos próximos dias caso alguém em casa apresente os sintomas da doença.

Nair Mara Abreu trabalha na creche e conta que ficou o final de semana em alerta quando soube da notícia. ?A menina convive conosco e as crianças tão sempre juntinhas. A gente fica preocupada principalmente porque elas são pequenas e mais indefesas?, conta.

Alguns pais ficaram apavorados com a possibilidade de ter o filho contaminado. ?Levamos as crianças pra creche e não sabemos o que pode acontecer. Infelizmente esse é um caso que não temos controle. Porém, é preocupante saber que nossa filha teve contato com uma pessoa contaminada por esta gripe que tem deixado todo mundo apavorado?, relata José Antônio Vargas, pai de uma aluna.

  •  

Deixe uma Resposta