• Postado por Tiago

A paixão por um rabo-de-saia por pouco não rendeu um paletó de madeira pro Alcinei Moreira da Silva, 22 anos. O cara levou cinco tirombaços na noite de sábado, no bairro Jardim Paraíso, em Cambú. Ele disse à puliça que foi peneirado porque se enrabichou com a ex-muié de um traficante, e atiçou a ira do escorneado.

Era por volta das 22h30 quando os meganhas foram avisados de que o povão tinha ouvido uns pipocos num boteco pros lados do Jardim Paraíso, mais conhecido como o inferninho da capital da pedra.

Os milicos pintaram na área pra bizolhar o que tinha rolado, mas só encontraram uma poça de sangue na chón. Depois de um plá com a vizinhança, descobriram que um rapaz tinha sido acertado com cinco azeitonadas. Três tiros foram parar em sua pança, um acertou a perna e o outro o braço do coitado. Ele foi socorrido pelo Samu e levado ao hospital São Francisco de Assis. Os fardados bem que tentaram saber se o povão tinha notícia do atirador, mas o pessoal fez boquinha de siri e garantiu que não sabia de nada.

O jeito, então, foi pegar informações com Alcinei. Apesar de furado à bala que nem uma peneira, o rapaz conseguiu bater um lero com os puliças. Ele disse que tava dando uns malhos numa gatinha do inferninho, que já teve um caso com um traficante da área. O cara, emputecido, teria ameaçado acabar com a vida do rival.

Até a tarde de ontem Alcinei continuava internado no São Francisco, mas o hospital não passou detalhes sobre seu estado de saúde. A tentativa de assassinato ainda não foi registrada na depê da terra do mármore.

  •  

Deixe uma Resposta