• Postado por Tiago

Jonny Machado, 18 anos, deve ter o corpo fechado. O rapaz levou dois tirombaços na cabeça e um balaço no braço, e não morreu. A tentativa de assassinato rolou pelas 22h de segunda-feira quando a vítima chegava à sua casa, na rua Monte Maipú, no bairro Monte Alegre, em Camboriú.

O gurizão contou pros meganhas que abria o portão da sua casa quando um carinha, que ele só conhece de vista, caminhou em sua direção. O acusado sacou um trabuco e mandou seis azeitonadas contra a vítima. Ele ainda correu e tentou sisconder dentro da baia, mas não escapou dos tiros. Dois balaços ficaram alojados na cabeça de Jonny e um atravessou o seu braço direito.

O rapaz caiu no chão ferido e gritou por socorro. Apesar dos ferimentos graves, estava consciente enquanto era atendido pelos socorristas do Samu. Foi levado ao hospital de Camboriú e transferido pro hospital Santa Inês. Os atendentes do hospital não informaram o estado de saúde, mas disseram que Jonny não corre risco de morte.

Já o safado do atirador simandou antes da polícia militar dar as caras no local. Os tiras vasculharam toda a região, mas não encontraram nenhuma pista do cara. Enquanto era socorrida, a vítima jurou aos policiais que não aprontou nada que pudesse fazer com que alguém o mandasse ver capim nascer pela raiz. A polícia civil de Camboriú já foi informada sobre o crime e tenta identificar o bandido que cometeu a tentativa de homicídio. Os homisdalei também querem saber se Jonny tava metido em alguma treta da bandidagem.

  •  

Deixe uma Resposta