• Postado por Tiago

Uma operação realizada pela Receita Federal de Itajaí nos últimos 30 dias apreendeu uma carrada de coisas. A investigação resultou na apreensão de 100 toneladas de mercadorias falsificadas. A última descoberta foi feita ontem. Um contêiner cheinho de produtos pirateados desembarcou no terminal portuário de Navegantes, a Portonave.

O delegado da receita peixeira, José Carlos de Araújo, disse que dentro do contêiner tavam cerca de 20 toneladas de produtos como óculos, tênis e roupas, que imitavam marcas mundiais famosas.

As mercadorias são chinesas, vieram de navio e foram desembarcadas direto em Navega. “Esses produtos foram comprados por empresas de São Paulo e seriam distribuídos nas filiais catarinenses”, informou.

Há um mês

A Receita Federal tá na cola das falsificações dos chinas há pelo menos um mês e neste período já apreendeu R$ 15 milhões em mercadorias falsas. Além de comprar produtos pirateados, a empresa inventava os nomes dos produtos que usava nas notas fiscais. Por enquanto, ninguém foi preso, mas a empresa vai responder processo por contrabando.

  •  

Deixe uma Resposta