• Postado por Tiago

A dona de casa M.P.F., 21 anos, procurou o DIARINHO se dizendo revoltada com o atendimento no pronto-socorro do hospital de Navega. Ela conta que na quinta-feira da semana retrasada tava com febre, garganta inflamada e dores na coluna. Procurou o hospital com aqueles sintomas e mesmo assim foi mandada embora.

Primeiro procurou o centro de triagem da gripe porca, mas a médica que a atendeu explicou que ela não estava com os sintomas da doença que tá assustando todo mundo. Então, a dona de casa foi até o pronto-socorro do hospital da city para ser atendida e pedir um remédio pelo menos para as dores na coluna. M. não gostou quando o médico lhe disse que ali não se atendia gente com dor na coluna.

A mulher ficou chateada com o sistema de saúde de Navega porque logo em seguida ela foi ao hospital Marieta Konder Borhausen, em Itajaí, e lá foi atendida numa buena.

  •  

Deixe uma Resposta