• Postado por Tiago

Seu Alberto Cardoso, 62 anos, critica a organização da Marejada, a festa portuguesa e do pescado de Itajaí. Diz que os abobrões da prefa erraram ao fazer os guichês para compra das entradas em contêineres e pecam ainda mais por não organizar as filas no local. “Aquilo lá é uma bagunça, todo mundo empurrando todo mundo, encoxando a mulher dos outros”, lasca seu Beto, completando: “Se eu fosse o prefeito, dava um passa fora nesse cara que organizou a festa”.

  •  

Deixe uma Resposta