• Postado por Tiago

Os barnabés de Barra Velha podem começar a rezar pra não perder o emprego. Na semana que vem, a secretaria de administração apresentará ao prefeito Samir Mattar (PMDB) o projeto pra reforma administrativa da prefa. Se o prefeito e a câmara de vereadores aprovarem, a nova estrutura deve enxugar 130 funcionários do atual quadro de servidores. A medida, segundo o secretário de administração Nilson Bylaardt, é porque a prefa tá mal das pernas, com dívidas que chegam a R$ 6 milhões.

Seis funcionários, comandados pelo secretário Nilson, são responsáveis por elaborar a reforma. O atual secretário já foi prefeito de Guaramirim e diretor da secretaria de desenvolvimento regional (SDR) de Jaraguá do Sul. Com esta bagagem, Nilson conta que foi contratado pelo prefeito justamente pra meter a tesoura e encurtar o quadro de funcionários da prefa.

Para a reforma estão previstos o corte de 130 servidores. As atuais 18 secretarias e fundações devem passar a 12. Hoje, na city, existe uma secretaria de turismo e uma fundação de turismo, por exemplo. Com a reforma, os trampos deverão se agrupar somente na fundação de turismo. A reforma também prevê a diminuição das oito horas de trabalho dos barnabés pra seis.

A reforma tá sendo estudada desde que o secretário Nilson assumiu a função, no dia cinco de agosto. O projeto será encaminhado pro prefeito bizolhar na semana que vem.

O secretário conta que a prefa recebeu dívidas da administração passada que chegam a R$ 6 milhões. Pra piorar a crise, o repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), do governo federal, diminuiu este ano. Com a reforma, a prefa pretende economizar R$ 200 mil por mês com a folha de pagamento.

  •  

Deixe uma Resposta