• Postado por Tiago

INTERNA_12_abre_lixo-na-rua-do-cidade-nova_foto-luz-clarita-(10)

Sofá, restos de comida, entulho de construção e até chinelo velho são encontrados no lixão improvisado

Lá tem de tudo. De sofá a restos de comida. De entulho de construções a pneu de bicicleta e chinelo velho. É tanto lixo jogado na calçada que as porcarias chegam a invadir o asfalto da rua José Domingos Mafra, no bairro Cidade Nova, em Itajaí. Pra piorar, a lixarada tá depositada bem próximo a um bueiro.

Desde dezembro do ano passado que o entulho vem se acumulando, conta a dona de casa C.I.M., 41 anos, que não suporta mais conviver com o mau cheiro. Ela mora a poucos metros do lixão improvisado e diz que são os próprios moradores os responsáveis pela porquindade. A calçada onde a sujeirada tá se acumulando fica em frente de um terreno baldio.

O DIARINHO foi conferir o reclamo da dona de casa. E não deu outra. Lá a reportagem encontrou uma outra moradora também revoltada com a situação. Com medo de receber uma prensa dos vizinhos porcalhões, ela pediu para não ser identificada, mas contou que na última chuvarada, para evitar alagamentos, teve que chamar o marido às pressas pra, com uma enxada, retirar o lixo que tava esparramado em cima do bueiro.

Tudo começou com um montinho

Dona C. diz que no ano passado começaram a depositar entulho de construção no local, como barro e ferro. O que era apenas um montinho foi crescendo e crescendo, até virar a vergonheira que tá hoje. ?O cheiro é terrível?, reclama a dona de casa.

Desde o começo do ano dona C. tá ligando pra sub-prefeitura do bairro São Vicente pra peãozada ir limpar a calçada. Semana passada conta que telefonou três vezes e nesta semana duas. Na sub-prefeitura, diz, é informada que o monte será retirado, mas até agora nada foi feito.

Porcalhão pode levar multa

O lixo nas ruas é um grande problema enfrentado pelos fiscais da fundação do Meio Ambiente de Itajaí (Famai). Francisco Carlos do Nascimento, diretor de recursos naturais e resíduos do órgão, diz que tá prevista multa pra quem jogar lixo na rua ou em terrenos baldios. O valor da carcada, dependendo do tipo de resíduo, pode chegar a R$ 6 mil. O trabalho dos fiscais, ressalta Chico, depende na maioria das vezes das denúncias que a Famai recebe através do número (47) 3348-8031.

Pra conscientizar os porcalhões de plantão, Chico explica que o lixo, além do problema da transmissão de doenças e da proliferação de bichos nojentos, ainda enfeia a cidade e contribui com os alagamentos, porque entope bueiros e galerias pluviais.

  •  

Deixe uma Resposta