• Postado por Tiago

INTERNA-9-BASE---g---tainha-floripa-foto-rubens-flores-27jul09

Pescadores querem mudanças nas leis pra melhorar ainda mais a pesca

Termina na quinta-feira a safra da tainha no litoral da Santa & Bela. Com a retirada do mar de quase 1,7 mil toneladas do peixinho, 2009 registra a segunda melhor captura do pescado nos últimos 10 anos. ?Não conseguimos bater a safra de 2007, que foi a melhor. Porém, dobramos o que foi retirado do mar no ano passado. A safra foi melhor este ano, mas foi curta. Já quase não encontramos tainha nas redes e muito menos pra comercialização?, avalia Ivo Silva, presidente da federação dos pescadores (Fepesc). Há dois anos, foram tiradas do mar 2,5 mil toneladas de tainha.

Como a tainha só volta a dar as caras em maio do ano que vem, os pescadores já se preparam pra captura da anchova. ?Já há registro de grandes cardumes no litoral. Esperamos que a safra deste ano também seja muito boa?, diz Ivo. Ele aposta que a safra deste ano supere as 800 toneladas capturadas no ano passado no litoral da Santa & Bela.

Pro período de captura da tainha no ano que vem, Ivo Silva espera que sejam feitas alterações na lei que determina o limite pra pesca. ?Queremos oficializar a distância para pesca artesanal em 800 metros. Do jeito que foi colocado na lei (uma milha marítima, 1850 metros) ficou muito distante?, comenta Ivo.

Por conta da mesma lei, a tainha agora tem um pequeno defeso. Ao invés da pesca iniciar em 1º de maio, começa no dia 15. ?Estes 15 dias podem parecer nada, mas foram importantes porque evitaram que os cardumes fossem capturados pelos grandes barcos antes que a tainha chegasse próximo à costa?, encerra o presidente da Fepesc ao justificar o provável motivo do aumento da safra deste ano.

  •  

Deixe uma Resposta