• Postado por Tiago

O corpo de um homem foi encontrado ontem pela manhã no ribeirão da Murta, nos Cordeiros, em Itajaí. Juarez da Silva, 33 anos, foi encontrado debaixo da ponte da rua Luiz Marcelino, que fica pertinho da fedorenta fábrica de sardinha enlatada da Gomes da Costa. A polícia investiga o caso e desconfia que Juarez estava bebum e caiu na vala.

Um irmão Juarez ajudava nas buscas e foi quem viu o corpo do cara no fundo do ribeirão. A polícia informou que Juarez aparentava estar morto há mais de cinco horas. O corpo foi encaminhado pro instituto Médico Legal (IML) do Itajaí, onde passou por perícia e ficou comprovada a morte por afogamento. Até o finalzinho da tarde de ontem a família não tinha ido no IML fazer o reconhecimento oficial do corpo.

Familiares contaram aos policiais que Juarez era chegado num goró e tinha saído de casa na noite de sábado com a magrela. Como ele não apareceu até a manhã do dia seguinte, a parentada saiu em busca do sujeito e encontrou a zica encostada na ponte. Desconfiados que ele poderia estar no fundo do ribeirão, lá pelas 10h ligaram pro corpo de Bombeiros e pediram ajuda. As polícias Civil e Militar também pintaram no local.

Os vermelhinhos vasculharam o ribeirão. Primeiro tentaram usar uma lancha de resgate, mas como o ribeirão naquele trecho é raso demais, a embarcação não conseguiu navegar. Por isso, tiveram que apelar pra uma bateirinha do tipo papa-lavagem de um morador local.

Os tiras da polícia Civil trabalham com a possibilidade de Juarez ter saído pelaí de ziquinha e, embriagado, caído no ribeirão. Outra teoria é a de que ele foi tomar um banho pra passar a manguaça e não conseguiu nadar.

  •  

Deixe uma Resposta