• Postado por Tiago

A prefa de São José, por intermédio da Secretaria Municipal de Saúde, em conjunto com as Vigilâncias Sanitária e Epidemiológica, iniciou neste mês a Campanha de Desratização Urbana.

Serão colocadas cerca de 90 mil iscas com veneno para ratos em locais favoráveis à proliferação dos bichinhos asquerosos. O trampo já começou pela desratização dos 18 centros de saúde e da policlínica de Campinas, estendendo-se na sequência para todos os bairros de São José.

“A atuação nos bairros obedece ao mesmo cronograma da Campanha da Dengue, pois com o auxílio de mapas teremos a certeza de estarmos abrangendo todos os quarteirões”, explica o Diretor da Vigilância Sanitária de São José, Pedro de Carvalho Nasser. A previsão é que a Campanha de Desratização Urbana dure quatro meses.

Os roedores podem transmitir uma série de doenças, a exemplo de leptospirose, tifo murino, peste e disenteria. As orientações dos profissionais da Vigilância Sanitária para prevenir a proliferação desses animais são:

– Manter o lixo em sacos fechados e em lugares altos;
– Não jogar lixo nas ruas ou em terrenos baldios;
– Armazenar os alimentos em recipientes fechados;
– Manter o quintal das residências limpo;
– Deixar tudo limpo, pois rato não suporta limpeza.

Além dessas recomendações, a Vigilância Sanitária ressalta que as pessoas podem solicitar gratuitamente ao órgão iscas para combater os roedores. “Vamos orientar sobre a correta aplicação e manipulação dessas iscas”, finaliza o Diretor da Vigilância Sanitária de São José.

  •  

Deixe uma Resposta