• Postado por Tiago

A madrugada de quinta-feira foi manchada de sangue em Balneário Camboriú. O segurança do restaurante Habib´s e do rala-coxa Wiskadão levou quatro pipocos no lombo. A tentativa de assassinato rolou pela 1h30, na rua Itália, no bairro das Nações. A vítima jura de pés juntos que é trabalhadora, mas teria levado os balaços de um desafeto das antigas.

Marcelo Parra, 33 anos, voltava pra casa diapé, quando foi baleado por dois malencarados que passaram numa motoca preta. O caroneiro sacou um trezoitão e mandou as quatro azeitonadas, sem chance de defesa pro segurança. Dois tiros acertaram a buchada do coitado, um atingiu o braço e outro a perna direita do cara. Sangrando muito, o baleado se estatelou na chón.

Os socorristas do Samu foram chamados, fizeram os primeiros socorros e levaram Marcelo em estado grave pro hospital Santa Inês. Ele passou por cirurgia e permanece internado, mas não corre risco de morte.

Depois de meter bala no segurança, os atiradores se mandaram sabe Deus pra onde. A polícia militar foi chamada, mas o povão disse que não viu ninguém suspeito e nem poderia dar uma dica que levasse aos atiradores.

No hospital, já medicado, Marcelo garantiu pros homisdalei que é trabalhador e não tá metido com a bandidagem.

  •  

Deixe uma Resposta