• Postado por Tiago

Secretário prefere ficar calado a falar sobre o assunto

A puliça Militar Ambiental fez uma visitinha num sítio que pertence ao secretário de Segurança, Ronaldo Benedet (PMDB), em Bom Jardim da Serra, na serra catarinense, e descobriu uma renca de irregularidades. Os fardados enquadraram o abobrão por quatro crimes contra o meio ambiente, de desvio de rio a construção em área de preservação. A assessoria do secretário informou que ele não recebeu canetaço nenhum e acha que o atraque dos milicos cheira a pressão.

O tal sítio, que pertence ao secretário há seis anos, foi bizolhado pelos meganhas na semana passada. Os homis encontraram, ao todo, quatro cagadas das grandes: desvio de curso de rio, canalização de um banhado, construção em área de preservação permanente e plantio de eucaliptos, uma espécie que não é nativa e tem fama de destruir tudo o que tá ao redor, sem autorização.

Ontem o mandachuva da PM Ambiental de Lages, que foi o responsável pelo bizu, tenente Frederick Rambusch, não quis comentar o caso e passou a bola pra assessoria de imprensa da puliça Militar catarina, em Floripa. O chefão da comunicação, capitão Alessandro Marques, disse que, por enquanto, o comando também vai ficar na boquinha de siri. ?O comando geral vai se manifestar quando receber a documentação completa sobre ação?, informou.

Boca fechada

O secretário Benedet não quis falar sobre o atraque, mas sua assessoria de imprensa informou que ele não recebeu nenhuma notificação de irregularidade. ?O secretário não recebeu nada. Ele tem esse sítio pra descanso, mas não danificou nada lá?, disse o assessor, João Carlos Mendonça.

Ele comentou ainda que o abobrão tá desconfiado de que possa ter alguma coisa errada com a carcada. ?Ele estranha que isso tenha surgido num momento em que a polícia Militar e os bombeiros reivindicam um abono salarial como o que foi dado aos delegados?, lascou.

O caso deverá ser encaminhado ao Ministério Público, que vai ficar com a responsa de analisar o tamanho do estrago.

  •  

Deixe uma Resposta