• Postado por Tiago

O  corretor de imóveis Thiago Cabral da Costa, 18 anos, conseguiu sair da delegacia onde tava mofando nas últimas semanas, desde que se envolveu num suposto racha que vitimou o cabo da PM Cláudio Costa em Porto Belo, no último dia 29.  Seu advogado, Cláudio Gastão da Rosa Filho, pediu ao juiz Emerson Feller Bertemes, da 2ª Vara Criminal de Porto Belo, que o garotão cumprisse prisão domiciliar, e o magistrado aceitou.

  •  

Deixe uma Resposta