• Postado por Tiago

Um sem-noção provocou um incêndio num matagal de Camboriú, ontem de manhã, e deu um trabalhão pros bombeiros. O fogo se alastrou rapidinho, e os vermelhinhos precisaram sivirar nos 30 pra que as labaredas não atingissem a vizinhança.

O fogaréu rolou num terrenão que fica em frente ao mercado Veratoni, na rua capitão Ernesto Nunes, no centro. Os bombeiros acreditam que o incêndio tenha sido iniciado por algum tanso que, com preguiça de roçar a terra, tacou fogo no matagal. Como a vegetação tava bem seca, por causa do sol, as chamas se espalharam bem rápido. Quando os vermelhinhos foram chamados, mais de 200 metros da área já tavam cobertos pelas labaredas. Foram gastos 500 litros de água, em 20 minutos, pra dar conta do incêndio.

O sargento Edson Costa, do corpo de bombeiros da Capital da Pedra, diz que colocar fogo no mato é uma prática perigosa. “Tá calor, a mata tá seca, e basta uma brasa incandescente cair sobre uma madeira, numa casa, por exemplo, pro fogo se alastrar. É preciso ter bom senso, porque com fogo não se brinca”, alerta. Ele avisa que a sacanagem pode render uma baita dor de cabeça pro (ir)responsável.

“Quem vir alguém colocando fogo em algum lugar pode registrar um boletim de ocorrência e fazer uma denúncia. Se a pessoa coloca em risco a propriedade e a vida alheia, pode responder por isso”, afirma.

  •  

Deixe uma Resposta