• Postado por Tiago

Um chinelão acabou em cana ontem à tarde, depois de ter surrupiado e vendido um portão de ferro. A treta foi descoberta pelo dono da baia, que dedurou o esquema pra puliça.

Tudo começou quando um vizinho do traste, que tava viajando, chegou em casa, na rua 916, em Balneário Camboriú, e descobriu que seu portão tinha sumido. Esperto, ele foi até um ferro-velho que fica pertinho da baia e encontrou o portão por ali, dando sopa.

Injuriado, o homem armou o maior barraco e chamou a puliça. Os meganhas levaram ele e a dona do ferro-velho pra delegacia. Mas enquanto os dois batiam um papo com os tiras, o marido da muié telefonou e avisou que o tanso que vendeu o portão, que mora ali pertinho, tinha pintado no ferro-velho.

Os homsidalei correram pra baiuca e carregaram o cara, que não teve o nome revelado, pra depê. Lá, ele confessou que tirou o portão da casa do tiozinho, mas disse que só fez isso porque o cara teria pedido que ele limpasse o terreno e levasse o portão embora.

Mas a história pra boi dormir não convenceu os puliças. Diante da confissão, o sem-noção ganhou o teje preso e foi levado pra ver o sol nascer quadrado.

  •  

Deixe uma Resposta