• Postado por Tiago

Todos os profissionais passam por um ou mais momentos em suas vidas em que se percebem desmotivados com o trabalho. Já não têm mais o mesmo interesse, a mesma vontade de fazer as coisas, de mudar, fazer diferente. A motivação é algo que nos mobiliza, nos prepara, nos faz agir, buscar ser cada vez melhores e quando estamos desmotivados tudo se torna mais difícil de ser feito. Algumas pessoas chegam a vivenciar sintomas intensos de ansiedade só de pensar que no outro dia terão que ir trabalhar.

O problema é que esta falta de motivação começa afetando só você e, progressivamente, acaba prejudicando a carreira, o futuro e também a vida pessoal.

A falta de motivação é um problema único e exclusivo do profissional. Aspectos externos podem influenciar, mas só o próprio profissional pode fazer algo para mudar isso. Então, se esse é o seu caso, fique atento às dicas abaixo para tornar-se mais motivado.

– Estabeleça metas para sua vida, para quem não sabe onde vai qualquer caminho serve e todos precisamos ter algo pelo que lutar e buscar. Podem ser metas pequenas, a curto ou longo prazo. De preferência, escreva num papel.

– Busque novos desafios e não pense que para isso precisa mudar de emprego. Você pode criar novas coisas, envolver-se em novos projetos aí mesmo onde trabalha.

– Esteja atento às novas tecnologias, novos estudos, descobertas dentro de sua área de atuação. Estude, mantenha-se informado. Isso lhe dará ânimo novo!

– Resolva todos os problemas que possam estar lhe atrapalhando no trabalho. Se for algo que está por fazer, finalize logo. Adiar não adianta. Se for problema com alguém, sente, converse, resolva da melhor forma para que o clima se torne melhor e você sinta-se mais motivado.

– Promova sua autoestima. Estar de bem consigo mesmo faz uma diferença enorme em todos os aspectos da vida.

– Cultive bons hábitos, alimente-se bem, pratique exercícios, faça as atividades que gosta, curta momentos de lazer, durma as horas necessárias para estar descansado no dia seguinte.

– Participe de todos os treinamentos e outros programas de qualidade de vida que sua empresa ofereça.

– Mantenha um bom relacionamento com seus colegas.

– Ao sair do trabalho procure deixar o ambiente melhor do que quando chegou. Desta forma, será mais agradável quando chegar no dia seguinte.

Taísa da Silva Cassol é psicóloga clínica e organizacional – CRP 12/06288

[taisapsico@gmail.com]

  •  

Deixe uma Resposta