• Postado por Tiago

CONTRA-BAIXO---s---tenista-tiago-fernandes---foto-divulgação

Os tenistas profissionais brasileiros seguem sofrendo no circuito mundial e já tão todos eliminados do torneio de simples do US Open, último Grand Slam do ano, que rola até domingo nos Estados Unidos. Mas se os profis tão mal, o mesmo não pode ser dito com relação aos juvenis. Ontem, dois brasileiros superaram favoritos e avançam na competição, na categoria até 18 anos.

O alagoano Tiago Fernandes, que treina em Camboriú, e o pernambucano José Pereira, que até pouco tempo era atleta do Instituto Tênis do Itamirim, em Itajaí, surpreenderam seus rivais e avançaram às oitavas-de-final nos Isteitis. Os dois venceram depois de três sets nas quadras de Flushing Meadows.

Fernandes derrubou o francês Julien Obry, número cinco do mundo na atualidade e semifinalista do Australian Open. De virada, o moleque de 16 anos, que treina com Larri Passos em Camboriú, levou a melhor por 2/6, 6/4 e 6/3. ?Fiz meu jogo, fui agressivo o tempo todo. O jogo de amanhã é muito duro e tenho que me concentrar nele. Em Grand Slam entram os 40 melhores do mundo. Não tem nenhum cara ruim?, disse o jovem em entrevista ao site globoesporte.com. O próximo adversário de Fernandes será outro top 10 juvenil, o argentino Andrea Collarini, sexto colocado no ranking mundial até 18 anos.

Já Zé Pereira teve de salvar um match point quando sacava em 5/6 no terceiro set, mas se garantiu com uma subida à rede e um erro do adversário. O resultado foi um triunfo de virada por 2/6, 6/3 e 7/6(5) sobre o coreano Yong-Kyu Lim, cabeça-de-chave número seis do US Open. Atual número 32 do mundo, Pereira vai enfrentar na próxima rodada o vencedor do jogo entre o alemão Alexandros Georgoudas e o francês Pierre-Hugues Herbert.

  •  

Deixe uma Resposta