• Postado por Tiago

Duas casas noturnas de Balneário Camboriú vão ter que sisplicar na justa por terem permitido a entrada de dimenores. A carcada veio depois de uma ação conjunta entre o comissariado da Infância e Juventude, o conselho tutelar e a polícia Militar, no final de semana.

O primeiro balança-teta a receber a visitinha foi o Rancho Brasil, na avenida do Estado, onde funcionava o antigo Whiskadão. Os bizolhudos identificaram duas aborrescentes de 17 anos por ali. As gurias foram entregues ao conselho tutelar, e os representantes do comissariado deram um canetaço no dono do bate-coxas.

Dali, a fiscalização seguiu pra boate Cult, na avenida Beira Rio, na Barra Sul. Os comissários levaram um baita susto quando perceberam que mais de 60% dos frequentadores da casa eram dimenores. Eles separaram uma boa parte da criançada e mandaram a turma pra casa. Os donos da Cult também ganharam uma mijada, e terão 30 dias pra sidefender.

Nos dois casos, será aberto um processo na justa. Se as casas noturnas forem condenadas, os donos terão que desembolsar uma multa que pode variar de 1,5 mil reales a R$ 10 mil. Se outros adolescentes forem pegos por ali, os bate-coxas terão que fechar as portas.

  •  

Deixe uma Resposta