• Postado por Tiago

A casa caiu pra um trafica de Balneário Camboriú. Gilson Carlos Ferrari, 36 anos, foi enjaulado enquanto tentava vender 28 pedras de crack. O atraque rolou em sua casa, na rua México, no bairro das Nações, na Maravilha do Atlântico. O bandido foi preso no final da tarde de segunda-feira.

Nem a chuvarada impediu os fardados de bateram na casa de Gilson. Eles meteram o cuturno na porta e nem precisaram procurar muito: em cima da mesa tinham 28 pedras do capeta prontas pra venda. Os milicos acharam ainda R$ 630 em notas miúdas – características do tráfico de drogas.

Com o flagrante, Gilson ganhou uma passagem só de ida pro xilindró. O cara não tinha passagem pela polícia e estreou a ficha pela venda de porcaria. Os meganhas chegaram até o trafica depois de denúncias anônimas. No momento do atraque, Gilson vendia a droga pro J. A, 39, que melou a cueca e entregou o jogo.

Navega

Já na city dengo-dengo, um dimenor de 13 anos foi guentado pela PM com uma pedra do demo, e ainda assumiu outras quatro que tavam com o seu irmão, R.V., 18 anos. O guri foi encontrado pelos meganhas por volta das 19h15 da segundona, na rua Leopoldo Arcanjo Rocha, no bairro São Paulo. Os dois foram levados pra depê, onde o dimenor assumiu a bronca. O mano mais velho foi liberado, e o guri passou a noite na celinha. Na manhã de ontem, o mini-traste foi levado pro fórum dengo-dengo e mais tarde entregue aos pais.

  •  

Deixe uma Resposta