• Postado por Tiago

Os policiais rodoviários que trabalham no posto de Rancho Queimado deram uma batida num busão ontem, às 10h, e encontraram 750 gramas de pasta de coca presos no corpo de um traficante. O ônibus fazia a linha Foz do Iguaçu/PR-Criciúma.

Marcilon Machado dos Santos, 25 anos, tava importando a porcaria pra vender no sul do estado. A polícia resolveu aumentar o cerco aos ônibus que fazem a linha Foz do Iguaçu-Criciúma depois que os tiras descobriram que ela tá servindo pra transportar drogas.

Os traficas aproveitam a proximidade com o Paraguai pra trazer a droga de ônibus. Os homis tão parando aleatoriamente os busões que passam pelo posto que fica no km 59 da BR-101, pra tentar descobrir se tem passageiro trazendo na bagagem, além de roupas, drogas e outras porcarias. Ontem não foi diferente. Por volta das 10h eles mandaram o latão estacionar pra fazer uma vistoria, e acabaram dando sorte.

Quando entraram pra mais uma revista surpresa, descobriram que tinha um homem pra lá de nervoso entre os passageiros. Os federais revistaram as malas e as poltronas, mas não encontraram nada.

Quando pediram pro cara levantar a camisa, descobriram que ele tava premiado. Em seu poder, os policiais rodoviários encontraram 750 gramas de pasta de coca presa ao corpo com fita adesiva.

Com essa quantidade, se batizada, dá pra fazer cerca de cinco quilos de pó pra alegria dos cheiradores de plantão, conforme cálculos da própria polícia.

Marcilon foi convidado a se explicar pro delegado Alessando Isoppo, da depê de Santo Amaro da Imperatriz. Como o papo que contou não convenceu o delegado, o cara ficou guardado atrás das grades. O safado vai responder por tráfico de drogas.

Na semana passada, outra apreensão foi feita nessa mesma linha de latão, e no mesmo posto da polícia federal. Um paraíba escondeu no meio das redes que trazia do nordeste pra vender na praia, 30,8 kg de maconha, que comprou por R$ 1,2 mil, no Paraguai. Ele ia fazer a festa vendendo erva em Criciúma. Podia embolsar até 50 mil mangos com o comércio, que foi frustrado pelos policiais rodoviários.

  •  

Deixe uma Resposta