• Postado por Tiago

O aniversário do traficante Ademar Luiz Darmoro, o Guinho, terminou em muito sangue. O trafica foi executado quando comemorava os seus 22 aninhos. Três aviõezinhos que participavam da bagunça também furados e por pouco não terminaram de comemorar o niver do patrão no além. Uma hora após o bafão, que rolou na rua 456, no bairro Morretes, em Itapema, três acusados do assassinato foram grampeados. A treta teria rolado por bronca antiga entre o traficante e um bandidão barra pesada do Morretes.

O aniversário do traficante Ademar Luiz Darmoro, o Guinho, terminou em muito sangue. O trafica foi executado quando comemorava os seus 22 aninhos. Três aviõezinhos que participavam da bagunça também furados e por pouco não terminaram de comemorar o niver do patrão no além. Uma hora após o bafão, que rolou na rua 456, no bairro Morretes, em Itapema, três acusados do assassinato foram grampeados. A treta teria rolado por bronca antiga entre o traficante e um bandidão barra pesada do Morretes.

  •  

Deixe uma Resposta