• Postado por Tiago

”Quero deixar aqui escrito o meu descontentamento com a justiça e policiais. Sou a favor da legalização dos bingos em cidades turísticas. Li no jornal uma crítica sobre as pessoas que frequentam os bingos que hoje são clandestinos. O que é legal no nosso país? Que leis são cumpridas como deveriam ser aqui? Começando pela cúpula de Brasília, as cpis que tanto inventam e nunca terminam porque o povo esquece fácil.

Somos trouxas, somos papa-otários, sim! Sabem por quê?,porque nós não sabemos pra onde vai nosso dinheiro (fortuna) retirada dos bingos quando a polícia fecha.

Nesses mais ou menos três anos de ilegalidade nunca vi nem ouvi uma autoridade ir num meio de comunicação dar explicações pra onde foi o dinheiro retirado, muito menos levar o mesmo a instituições de caridade ou clínicas de recuperação de drogados.

Esse dinheiro dava pra construir muitas casas para os mais necessitados. Construir abrigos para jovens dependentes químicos, com tratamento psicológico e médicos de graça. E nossos jovens cada vez mais se drogando. Em cada esquina tem um se drogando com crack. Por que não fazem, os policiais, um arrastão das drogas e roubos no nosso estado?

O disque denúncias só serve para os sem caráter, dedo-duros, cafajestes que vão, jogam, perdem depois denunciam e no dia seguinte procuram outra casa de jogo aberta.

No mês passado os policiais levaram umas 10 senhoras na faixa dos 70 anos presas numa kombi até a delegacia, como se fossem marginais, assassinas, traficantes. Isso foi uma vergonha, um ato de falta de respeito imenso. O dever da polícia é levar o dinheiro, as máquinas e só! Ou melhor, podem levar as cucas e bolos do cafezinho da tarde… Pra eles comerem com suas famílias.

Sou uma senhora de 70 anos. Gosto de jogar. O dinheiro é meu e faço dele o que quero. Os incomodados que tratem de fazer caridades por aí. Pago meus impostos, ajudo as instituições (que não são poucas) e se alguém ler isso e falar “vai pra igreja rezar, velha!”, quero dizer que também vou à igreja, pois nós, idosos, não sabemos o dia de amanhã.

Um delegado daqui do estado deu uma entrevista dizendo que não vai correr atrás de caça niqueis. Sabem por quê? Porque ele disse que tem coisas muito mais importantes pra fazer. Parabéns! É o único delegado do estado que tem bom senso e vê o que acontece ao redor.

Obrigada pelo espaço deste jornal tão lido e comentado em todo o estado.

Ass: A.A.

(Transcrito ipsis litteris)

  •  

Deixe uma Resposta