• Postado por Tiago

Mais de 4.200 torcedores ignoraram o apelo de “público zero” das organizadas do Figueirense e compareceram ontem à noite no estádio Orlando Scarpelli pra ver o time vencer em casa após um mês. O Alvinegro fez 1 a 0 contra o ABC, gol de Marcelo, que entrou no segundo tempo. “Mesmo com dificuldade a gente conseguiu. Creio que nos próximos jogos vamos jogar melhor e fazer os pontos para ajudar o Figueirense a subir”, disse o autor do gol. Com o resultado o time soma 33 pontos e deve fechar a rodada ainda na sexta colocação na Segundona.

Como prometido, as organizadas não entraram no Scarpelli. Fizeram a manifestação do lado de fora do estádio e, abusados, jogaram vários foguetes pra dentro, o que provocou reação da polícia pra evitar que alguém se machucasse. Quem esteve dentro de campo não gostou do que viu, tanto que o time saiu muito vaiado no final, apesar da vitória.

Pro meia Fernandes, o bom seria se a equipe manezinha tivesse jogado bem e marcado os vários gols que perdeu, com dois jogadores a mais em campo. “Os times estão jogando nos nossos erros. Mas cumprimos uma etapa importante para nós, para o torcedor, para o clube. Ainda temos oito jogos em casa e temos que vencer para ficarmos próximo ao acesso”, garante.

Ô, aflição!

Os minutos iniciais de jogo foram marcados pelo nervosismo dos jogadores do Figueirense. Até que conseguissem se entrosar, demorou um pouco. O time mostrou garra, força e vontade de ganhar o jogo, mas a bola não entrou na primeira etapa.

No segundo tempo, o Figueira seguiu pressionando e dando de cara com a dura marcação do ABC. Pros nordestinos, o empate tava bom demais, apesar de não ser o suficiente pro time sair da zona do rebaixamento.

Mas aos 18 minutos, depois de tanto insistir, o Figueira marcou. O atacante Marcelo recebeu bola na área e, impedido, dominou e chutou pras redes. Aos 25 e aos 30, dois jogadores do ABC foram expulsos, o que deu ainda mais chances pro Alvinegro ampliar. Pro desespero do seu torcedor, o jogo acabou só 1 a 0 e a paz ainda não foi selada no Scarpelli.

O Figueira volta a campo na terça-feira, contra a Portuguesa. Por problemas de invasão de vestiário, a partida não será no Canindé. O jogo poderá rolar no Palestra Itália ou no Pacaembu, em Sampa. O local será confirmado na segunda-feira.

  •  

Deixe uma Resposta