• Postado por Tiago

Daslu: o templo do luxo

O babado é forte, o mundinho fashion entrou em cólicas com a possível venda da Daslu, a coluna foi atrás e descolou informações. Na real existe a possibilidade, mas pelo que garimpei ainda é coisa muito remota. As conversas entre a Daslu e a Inbrands, holding de participações em empresas de moda controlada por um fundo de investimentos de sócios e ex-sócios do banco Pactual aconteceram, mas acredita-se estejam ameaçadas pela insegurança jurídica do negócio. No momento, as chances de fechamento do negócio são de menos de 50%, segundo uma fonte ligada a uma das partes. O objetivo da Inbrands seria comprar a ?parte boa? da marca Daslu, desgastada após a Operação Narciso, conduzida há quatro anos pela Polícia Federal, e que chegou a levar Eliana Tranchesi e seu irmão Antônio Carlos Piva de Albuquerque à cadeia. O prédio ocupado pela Daslu, em Sampa, atualmente não interessa ao PCP. Mas o ?babado? está formado e onde há fumaça, queridos, há fogo! Com cerca de R$ 150 milhões em caixa para uma aquisição, a Inbrands tem conversado com várias grifes e empresas do mundo fashion e a Daslu, de fato, é uma delas.

  •  

Deixe uma Resposta