• Postado por Tiago

INTERNA_15_box-abre_clayton-batschauer_foto-arquivo

Clayton jura de mãozinhas postas que não rolou treta

O vereador Clayton Batschauer jura de mãozinhas postas que não rolou irregularidade na organização da semana evangélica. Sisplicou dizendo que o contrato com a empresa Crismel Produções Artísticas Ltda, da cantora Gospel Cristina Mel, foi firmado pra realização de todo o evento. Foram feitos os três shows e teve ainda a organização de um coquetel pra 1500 pessoas. ?O valor foi todo repassado pra empresa. Além de toda a organização da estrutura, teve ainda a questão da divulgação. A semana teve o tema ?Todos contra a pedofilia? e panfletos sobre o tema foram distribuídos?, disse.

Os três shows rolaram nos dias 14, 15 e 17 de junho. O primeiro foi realizado só pros crentes da igreja Assembleia de Deus, que fica na rua Andrade, ao lado da superintendência do porto. O segundo foi aberto e rolou no teatro Adelaide Konder, na Univali. O último aconteceu na igreja do bispo Samuel Francelino, o CEI do São Vicente. ?Vale a gente lembrar que essa semana é de toda a comunidade evangélica e por isso foi realizada em diferentes lugares?, defendeu-se Clayton.

O parlamentar argumentou ainda que a semana evangélica é prevista em uma lei municipal de sua autoria. Só não explicou porque foi ele quem gerenciou a organização do evento e ficou responsável pelo dinheiro. A lei proíbe que parlamentares gerenciem verbas da prefeitura.

  •  

Deixe uma Resposta