• Postado por Tiago

Trampo no terminal da Fazenda depende da obra de drenagem

O vereador Marcelo Werner (PC do B) tá parecendo carrapato na cola do prefeito de Itajaí, Jandir Bellini (PP). Na última quinta-feira, Werner recebeu a resposta de um requerimento, que pedia informações sobre o andamento das obras do sistema integrado de ônibus peixeiro. O problema é que o vereador não gostou das explicações da prefa e já avisou que vai voltar a questionar sobre a execução do projeto. ?Eu achei que as respostas foram muito vagas?, disse.

O pedido de informações foi feito pelo comunista no dia 21 de setembro. O vereador perguntou sobre a retomada das obras, os locais onde serão instalados os terminais de busões e também sobre a previsão de término do trampo. Em nenhuma das respostas a prefa informou datas.

Quem ficou com a missão de responder as perguntas do parlamentar foi o engenheiro civil Roberto Dias da Rocha e o secretário de Urbanismo, Paulo Praun Cunha Neto. No papéli com as respostas, diz que pro sistema integrado entrar em funcionamento, os terminais da Fazenda, da Ressacada e de Cordeiros precisam estar prontos. Dos três locais, de acordo com a prefa, só nos Cordeiros as obras não começaram por causa de desapropriações de terrenos pendentes.

Praun contou que neste mês foram retomadas as obras. Os peões da empresa Viapav tão trampando na rua Pedro Guerreiro Júnior, no bairro Fazenda, onde tá rolando a implantação da rede de drenagem. ?Assim que for terminada a drenagem, começam as obras no terminal de ônibus da Fazenda. Primeiro, precisamos fazer a instalação da tubulação, que vai passar por baixo do terminal?, explica.

O bagrão não quis falar em datas pro término do processo de drenagem, porque, segundo ele, a obra depende das condições do tempo e também da altura da maré, que acaba influenciando. ?Até o fim do ano já estaremos trabalhando na construção do terminal nos fundos do supermercado Xande?, disse.

  •  

Deixe uma Resposta