• Postado por Tiago

A madrugada de ontem ficou marcada por mais um acerto de contas do tráfico de drogas em São José, na Grande Florianópolis. Pedro dos Santos Monteiro, 30 anos, foi pro além com quatro balaços na cachola em um beco do bairro João Nitro. O cara era viciadinho e tava devendo até as calças pros traficas da comunidade, que resolveram cobrar a dívida na bala.

A treta rolou nas primeiras horas de ontem, no beco conhecido por Amor Perfeito. Pedro foi executado com tiros disparados à queima-roupa. Os bombeiros foram chamados pelo povão pra tentar salvar o cara, mas a vítima já tinha partido dessa pra uma melhor quando os vermelhinhos chegaram para atender a ocorrência. A polícia civil apareceu no local, mas não encontrou nem sombra dos bandidos.

O corpo do rapaz foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Florianópolis. A equipe de investigação da Central de Polícia da cidade suspeita de dois bandidos do bairro, envolvidos com a distribuição de porcarias na região.

Pra polícia é certo que, como Pedro gostava de usar drogas, mas não tinha a mesma disposição para pagar contas, os traficas resolveram dar cabo na vida do coitado.

Palhoça

a polícia prendeu na manhã de ontem Deividi Machado, 21, e Diogo César Laurindo, 22, acusados de tentar mandar pra baixo da terra Ricardo da Silva dos Santos, no dia 24 de agosto. Diogo foi preso no bairro Potecas, em São José, e Deividi, no centro de Palhoça.

  •  

Deixe uma Resposta