• Postado por Tiago

Pelo Relatório Trimestral de Inflação, feito pelos sabichões do Banco Central, a volta integral do imposto sobre produtos industrializados (IPI) para alguns produtos, principalmente nos eletrodomésticos e automóveis, vai dar uma brochada no consumo no país. As compras no Brasil tão indo de vento em popa também com a evolução das condições de crédito e aumento dos postos de trabalho. O relatório da inflação foi divulgado ontem.

Para o Banco Central, o consumo é um dos fatores que tá mantendo a recuperação da economia. O governo já prorrogou a redução do IPI este ano. A redução nos eletrodomésticos, que fez muita gente comprar geladeira nova, por exemplo, vai até 31 de outubro. Também tem redução no imposto de carangos zeros e materiais de construção.

Para que a economia continue crescendo, os sabichões do Banco Central sugerem que a redução do IPI vá até o segundo semestre do ano que vem. No relatório, a projeção de crescimento do PIB é de 0,8% para este ano.

  •  

Deixe uma Resposta