• Postado por Tiago

Decepcionado

É assim que está o presidente do Marcílio Dias, Abelardo Lunardelli, com alguns colaboradores que o incentivaram muito para assumir o clube, mas que agora por qualquer motivo ameaçam pular do barco. Olha, gente, o momento é de se ajudarem, pois dessa maneira já será difícil e com desunião aí mesmo é que não irão a lugar nenhum. Pra mim não é novidade isso, estes que só aparecem na hora da eleição para dar palpites, depois são os primeiros a criticar. Já sei de cor e salteado quem são estas pessoas, pois apesar das mudanças de diretorias, elas estão sempre ali, na maioria das vezes para atrapalhar.

Mas nem tudo…

é noticia ruim, pois segundo o Abelardo Lunardelli, o Marcos da Agência de Publicidade Propaga se colocou a disposição para colaborar com o Rubro-anil. Uma boa notícia, pois pode estar se iniciando uma parceria importante e que tem tudo pra dar certo.

E tem mais…

reclamou também que tem “ex-dirigentezinhos” do Marinheiro, que estão criticando atitudes da atual diretoria. Até a volta do Departamento Administrativo que saiu do Centro Comercial Marcílio Dias para dentro do estádio, tem sido alvo das críticas dos incompetentes. São mesmo uns caras de pau, depois de tudo que fizeram, eles ainda se acham no direito de criticar alguém.

Irritado

Foi assim que ficou o presidente da federação Catarinense de Futebol, Delfim de Pádua Peixoto Filho, quando indagado sobre denúncias de que alguém de fora da entidade estava levando comissão de árbitros e intercedendo para que os mesmos fossem escalados. Ficou irritado, virou fera, e disse inclusive que se alguma coisa fosse provada, renunciaria o mandato de presidente. Conhecendo o Delfim como conheço, podem ter certeza de que vai sobrar pra alguém. Pediu até fitas de programas de televisão onde o tal “amigo” fez as denúncias.

Copa Santa Catarina

Acho até exagerada a valorização que estão dando para a competição que em 2010 vai ser disputada durante o período da Copa do Mundo. Além da vaga para a Série D do Brasileiro e para a Recopa Sul Brasileira, como aconteceu este ano, o campeão vai levar também a segunda vaga de Santa Catarina para a Copa do Brasil. Entende o Delfim que, com todos estes atrativos, os grandes clubes vão se interessar pela competição, e com isto o futebol catarinense teria um calendário iniciando no dia 16 de janeiro, se estendendo até 5 de dezembro.

Futebol feminino

A equipe Sub-17 de futebol feminino, que representa a fundação Municipal de Esportes de Balneário Camboriú, conquistou de forma invicta o campeonato estadual da categoria e vai representar Santa Catarina na Taça Brasil. As meninas que são coordenadas pelo professor Silvio Faccin e treinadas pelo técnico Leandro Aguiar, são só alegria, pois a atleta Renata Adamatt, foi convocada para a seleção brasileira Sub-16, que irá participar do campeonato mundial da categoria.

Vôlei

Em conversa com o Superintendente da Fundação Municipal de Esportes de Balneário Camboriú, Sandro Bernardoni, fiquei sabendo que Balneário Camboriú vai sediar de 3 a 7 de fevereiro, a etapa do Circuito Banco do Brasil de Vôlei de Praia. A competição, como aconteceu nas edições anteriores, vai ser disputada na Barra Sul.

Imperdível

Neste domingo, às 21 horas, no programa “Univali Esportes”, da TV Univali, a entrevista com o presidente da federação Catarinense de Futebol, Delfim Pádua Peixoto Filho.

E agora?

Será que o Marcílio Dias, vai disputar esta valorizada Copa Santa Catarina? Conversei com diretor de futebol, Euzébio Pereira Neto, o Caloca, e a resposta era que sim. Seria uma boa notícia para o torcedor, mas o presidente da federação Catarinense de Futebol, Delfim de Pádua Peixoto Filho, me informou que as equipes que vão disputar a Divisão Especial (2ª divisão) não podem participar da Copa Santa Catarina.

Eu falei…

que a ficha do torcedor marcilista, iria realmente cair quando estivesse perto de começar o campeonato Catarinense, com o Marinheiro fora da competição. Pois é, pela quantidade e-mails e telefonemas que estou recebendo, da pra sentir que a ficha finalmente caiu. O torcedor não se conforma.

  •  

Deixe uma Resposta