• Postado por Tiago

LOURIVAL

As declarações do jogador Lourival, nos microfones da Rádio Clube/Bandeirantes, são para envergonhar qualquer dirigente de futebol. Será que estes atuais dirigentes do Clube Náutico Marcílio Dias acham que é só contratar, mandar embora e não pagar? Uma vergonha! É o que sempre digo, vira e mexe, entra dirigente, sai dirigente e a coisa e sempre a mesma. Não pagam ninguém.

O QUE ACONTECEU?

Pergunta intrigante e que não quer calar. O que aconteceu para que Joée Nazareno Marcelino, eleito o melhor do campeonato e um dos que mais apitou, não entrasse no sorteio para apitar a final? Esta resposta só a Federação Catarinense de Futebol e a Comissão de Arbitragem podem dar. Daria tudo para saber o que houve.

ARROGÂNCIA

É de assustar a arrogância dos dirigentes do Clube Náutico Marcílio Dias ao falar dos acontecimentos que envolvem o clube. Primeiro falam sempre em nome deles e não dos outros membros da diretoria, como se fossem os donos. Será que o Clube Náutico Marcílio Dias tem dono? Depois citam fatos que aconteceram durante o campeonato que nada contribuem para uma política de boa vizinhança. Citam com orgulho o fato de terem barrado num jogo, em Itajaí, o procurador do Tribunal de Justiça Desportiva da Federação Catarinense de Futebol, Waldir Zanella, de terem barrado o pessoal da Comissão de Arbitragem da FCF e, por último, sempre que se referem à imprensa local, a tratam com a maior falta de respeito, com adjetivos nada recomendados para um dirigente. Já pensaram um pessoal deste dirigindo um grande time do futebol brasileiro, um Corinthians, por exemplo?

ESTÁ CERTO

Recebo e-mail do leitor da coluna e do nosso DIARINHO, Rodrigo Penteado dos Santos, aconselhando que a imprensa de Itajaí, tão boicotada pelos dirigentes do Clube Náutico Marcílio Dias, dê o troco. A sugestão dele é de que até o início do campeonato não se fale mais no Marinheiro. Olha, Rodrigo, até que a tua sugestão é válida, só que por outro lado a torcida não pode ser prejudicada porque no comando do clube está um ditador.

NÃO ACREDITO…

Me contaram que na reunião mensal do Conselho Deliberativo do Clube Náutico Marcílio Dias, realizada na última terça feira, o diretor de futebol do clube, Clóvis Forlin, entregou uma carta endereçada aos conselheiros, solicitando punição ao presidente do Conselho Fiscal, Jânio Flávio de Oliveira. Segundo a fonte, o motivo seria as críticas proferidas pelo Jânio à administração do Clóvis a frente do departamento de futebol do Marinheiro. Já pensaram se, por outro lado, o Jânio tivesse solicitando punição ao Clóvis por tudo que ele disse do Jânio quando ele era o diretor de futebol? Estaria suspenso até hoje.

BRASILEIRO

O Figueirense começou bem e venceu até com facilidade o Ipatinga por 3 a 0 e arranca bem na caminhada de volta à primeira divisão do futebol brasileiro. O Avaí até que começou bem o jogo, fez 2 a 0, recuou, tomou o empate e por pouco não perde o jogo. Um péssimo resultado. Uma coisa é certa: tanto Avaí quanto Figueirense vão ter que melhorar muito. O Avaí pra se manter e o Figueirense para tentar chegar lá, pois os times são fracos.

  •  

Deixe uma Resposta